Seguidores

07/08/2011

Que sapatos!

Views
Maria comprou um par de sapatos há um mês atrás e não os usa mais. O que é um fato que a deixa puta. Maria ultimamente tem comprado alguns sapatos de uso limitado. Não limitados por ela. E sim, por eles, os sapatos. Foram de chinelos à peep toes. Ela até que é seletiva, mas nunca escolhe algo funcional. Seus sapatos nem sempre vão combinar com seu jeans, seu vestido ou saia. Seus sapatos sempre vão ter um problema, um deles vai combinar com o dia, outro com noite e o pior de todos, aqueles que só combinam com as roupas de finais de semana. Maria se deu conta de que seus sapatos começaram a tomar conta de sua vida. No início, ela começou a se adaptar para seus sapatos. E não os sapatos se adaptarem a ela. Até que seu último sapato, foi o ápice. Foi quando se deu conta, que um só sapato não serve de segunda à segunda e muito menos quando você precisa deles para pedalar. Seus sapatos darão problemas. Se for um chinelo, no caso, aquela Havaiana bonitinha, que fica linda em Maria, quando as usa com jeans e camiseta branca, essas tais havaianas, uma hora ou outra vão arrebentar. Mas triste mesmo, é quando você compra aquele peep toe, cor nude. Maria pensava - Com esses posso usar jeans e nos finais de semana meu vestido de paetês. Que sapatos! Mas daí, o salto quebrou.

11 comentários:

disse...

Perfeito.. Mas acredito que o pior deles seja o COTURNO...
Beijos Pezinha

=)

Thá disse...

Hahahahaha eu demorei pra entender o pq de coturno.

Tony Lima disse...

tem sempre um que dsrá certo... falo dos sapatos! ou seja lá o que for... é que a gente às vezes demora pra encontrar a loja certa e sapato certo. e insistimos em usar aquele que aperta o pé e dói no coração.........

Cíntia Bruno disse...

Relaxa. Sempre haverá um sapato certo para a hora certa.

Dan Arsky Lombardi disse...

Os sapatos que não usamos, nós passamos pra frente, para o pé certo. E continuamos a caminhar com os pés descalços ou com um calçado que fique confortável e bonito.

Malu disse...

Mais belos que os próprios sapatos de cristalda CINDERELA...
Amei!
Abraços

Mateus disse...

Não depende dos sapatos. Depende de como serão aplicados. De dia, de noite, no inverno, verão, outono ou primavera não importa! Se souber fazer um jogo bacana de cores e estilos com as roupas, certamente os sabatos ficarão bem mais usuais e formais para a hora certa, pro dia certo, seja lá quando forem! Acho que esta história de sapatos é apenas uma metáfora, que não deixa de ser divertida, para poder desabafar pro mundo o que você ou alguém próximo está sentindo. Olha só, tudo tem uma solução, mesmo que esta solução pareça impossível. Antigamente as pessoas sonhavam com algum meio de comunicação capaz de atender às necessidades de todos, sem ter que ficar com os cabelos fedendo a fumaça e cansar o braço de tanto abanar um tapete para que alguém se manifestasse. Hoje, veja só, temos aparelhos que seriam um verdadeiro milagre pros das cavernas: computadores, TVs, celulares, telefones, jornais... Encerro minhas palavras aqui, obrigado.

Mateus disse...

E se alguém aí quiser me explicar o porque do COTURNO ser pior, agradeço. Hehehe...

Marina Sena. disse...

Thá [será que posso te chamar assim? O.o]

gostaria que você dissesse à Maria que enfrento o mesmíssimo problemas com sapatos. Na verdade agora estou a procura de um belo par que não deixe molhar meus pés em dias de chuva.

Mas acho que o par perfeito definitivamente não exite.

até.
bjo, bjo, bjo...

ps.: muito bom seu blog.

Matt Córdoba disse...

Thá, nos abandonou?

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens é um bom blog,gostei de o conhecer é daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
Tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita.
Ficarei radiante se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, saiba que sempre retribuo seguido também o seu blog.
Minhas saudações.
António Batalha.
Peregrino E Servo

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails